Valorização à vida e do ser humano

Endereço:

Marechal Rondon, 2391, Centro Campo Grande

Saúde do seu coração

O coração é um dos órgãos mais merecedores de atenção e cuidados em nosso corpo, e resguardá-lo é manter saudáveis também outras partes do organismo. Segundo o Ministério da Saúde 31,5% dos óbitos no Brasil são provocados por doenças cardiovasculares, tornando-se a primeira causa de morte entre a população brasileira.
A hipertensão arterial e obesidade são consideradas duas das maiores vilãs da saúde do coração.
A hipertensão arterial e obesidade são consideradas duas das maiores vilãs da saúde do coração, e segundo dados do Ministério, cerca de 30 milhões de brasileiros têm hipertensão e há outros 12 milhões de brasileiros que ainda não sabem que possuem a doença no Brasil. Quando não controlada, a pressão arterial causa lesões na artéria aorta e provoca a sobrecarga do coração, que fica com o músculo mais rígido, aumenta de tamanho e fica inchado.
Já o excesso de peso, principal causador da hipertensão, exige um esforço maior não só do coração, mas também de todo o sistema circulatório, sendo a principal causa do aumento da pressão e podendo levar ao desenvolvimento de insuficiência cardíaca, ou seja, da diminuição da capacidade do coração de cumprir a sua função de bombear efetivamente o sangue, que corre por todo o corpo, alimentando órgãos e tecidos vitais.
Por isso, manter hábitos saudáveis é fundamental para blindar o coração. Confira algumas dicas para proteger seu coração:

1. Combata o estresse
O colesterol alto, que causa a hipertensão e obstrui as artérias do coração, é um dos efeitos do excesso de estresse. A ansiedade aumenta a liberação de cortisol no organismo, hormônio que faz crescer a concentração de glicose no sangue, desencadeando problemas como diabetes, altos níveis de triglicérides e descontrole de colesterol.

2. Utilize os óleos vegetais
Para abaixar os níveis de colesterol, em vez de apenas restringir o consumo dos tradicionais vilões do coração (como as gorduras saturadas), você pode recorrer à ajuda de alguns mocinhos. O óleo de canola e o azeite de oliva são bons exemplos de alimentos que você deve incluir na dieta.

3. Reduza o consumo de carnes
Embora seja preciso diminuir o consumo de carnes no geral, é indicado principalmente reduzir a carne vermelha, pois apresenta uma quantidade maior de colesterol. Ainda mais se conter capas generosas de gordura. Porém, isso não significa que elas devem ser totalmente excluídas do seu cardápio.

4. Cuidado com o consumo de açúcar
Reduzir o consumo de açúcar é essencial para proteger seu coração. Um estudo publicado no Journal of American Medical Association sugere que, assim como uma dieta rica em gordura pode aumentar os níveis de triglicerídeos e colesterol, a ingestão de açúcar também pode afetar as taxas de lipídios.
Pessoas que consomem mais açúcar tem maior propensão de ter doença cardiovascular.

5. Insira mais vegetais no cardápio
Estudos científicos demonstraram que o consumo de proteínas de origem vegetal está associado à redução da pressão arterial. O ácido glutâmico, principal aminoácido encontrado nos vegetais, é um dos micronutrientes que ajudam a controlar a pressão arterial. Essa é uma das formas de se explicar a razão pela qual os vegetarianos têm menor tendência a desenvolver hipertensão arterial.

Leave a Comment

(0 Comments)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *